terça-feira, 25 de agosto de 2009

Carta á irmã que mora longe...


Ouvindo "Canto do Céu" - Chalaça, eu sentei aqui, pra escrever pra vc irmã. Tô de coração aberto e olhos lacrimejantes, pois a cada dia que passa o mundo lá fora me assusta, e tenta me devorar, e eu sempre quero voltar pra onde eu me sinta segura. Os amigos são para isso. E Ter vc como amiga e irmã, me faz sentir assim....como uma canção de Gil, um batuque de tamborim, um acorde de guitarra. Inspirada em suas palavras, em mais uma troca virtual nossa, coloquei aqui , um pouco do meu amor por vc, que é tão sincero e grande, por tudo que vc já fez por mim, pelo que vc é, e por tudo que ainda será em minha vida.


"Oi Irmã, hoje amanheceu garoando, aqui na cidade de pedra. Eu acordei de mau humor, daquele jeito que vc sabe, saí falando alto já, xinguei a nina porque ela continua fazendo xixi onde nao deve; mas no caminho do trabalho, coloquei um som, e relaxei. Abri um sorriso e me animei pra mais um dia de batalha. è, pelo visto somos do tipo "guerreiras", então um dia a menos em nossas vidas é um caos, por isso sempre estamos nos levantando dos tombos. No caminho pro trabalho resolvi refletir, pensar e tentar traduzir....

Sabe, eu Quero dar um jeito logo na minha vida. e, que o resto dela seja simples, assim; como uma curva leve no meio do caminho, e uma menina de amarelo á sorrir. então, a partir de agora eu desejo que o resto da minha vida comece logo... e não termine nunca...
Quero dar um jeito logo na minha vida, para que ela se encaixe perfeitamente na sua; minha irmã/amiga de risos fáceis que se deixam levar por qualquer melodia doce que ecoa pelo ares...
Quero dar um jeito em minha vida, para que possamos ser vizinhas, de portas além de corações.è incrível sentir um amor assim? por alguém que nem do teu sangue é, mas que daria a vida por você, em qualquer circunstância....
Eu quero dar um jeito logo em minha vida, para que você me anime de perto nos dias cinzas de São Paulo, e para que alegre os seus fins de semanas bucólicos do Cerrado de Brasilia. A gente vai dar um jeito logo em nossas vidas. A gente vai se aproximar novamente.

A gente vai morrer de rir das novelas ruins e mexicanas, a gente vai conversar até amanhecer, tomar vinho na varanda da casa de praia, nos apaixonar músicos inconstantes e viajantes; ainda vamos juntas ao Rio de Janeiro, fazer cada percurso que embalou cada fase nossa, e cada canção, do rock á batucada. Do Carnaval ao Ano novo, do Leme ao pontal.

vamos caminhar pelas areias de qualquer praia, vestidas de branco, jogando rosas ao mar...Falando sempre daquilo que nos uniu e nos move em tudo em nossas vidas: O Amor!Ninguém entende que a gente "ama" quase tudo, quase todos. Que pulsa quente em nossas veias, e gostamos mesmo é de navalha na carne.

A intensidade de nós duas, deixam rastros de que talvez hipoteticamente surtando, e geneticamente falando, nós temos elos parecidíssimos; que nos levam a crer que, Deus escolhe quem deve fazer parte de nossas vidas e ser chamado de OHANA. é por ele que nossos caminhos um dia foram cruzados na esquina da vida. E, é nele que eu acredito fortemente, para que de repente, nos traga de volta, uma á outra; de corpo presente e não só mais de alma e coração.
Debaixo da laranjeira, vamos levar nossos filhos para brincar; ou então de mochila nas costas vamos mergulhar no mundo, e descobrir tudo que está por vir, e por merecimento nos será concedido. Essas somos nós. Tudo e nada, muito e pouco. Achadas e Perdidas.

Porque não saber do dia de amanhã, é a melhor parte de ser como nós.
è nossa única e certeira; Verdade!
E a saudade???
Ah, a saudade é única prova que a gente tem de que não passamos despercebidas, e tbm a certeza de que nunca estaremos sozinhas.


Um beijo pra vc, minha irmã mais que amiga, sonhadora, menina e que adora amarelo!



3 comentários:

Mari *uma menina de amarelo disse...

"Eu tenho seu amor... eu tenho tudo" Tenho dias mais felizes, tenho vc... tenho nossas aventuras que sao capazes de fazer do nosso caderninho um best seller. Tenho a sua paz nos momentos que nao raciocino. E em troca... sorrisos, sinceros escassos e verdadeiros. Pq o mundo e sim mto ruim, mas a gente pode melhorar. E vc me faz querer ser melhor sempre. Te amo. Obrigada pelas linhas...

Desabafando disse...

Que lindo!

Eliana / Lu Maria disse...

Belíssimo texto! E esse amor imenso e infinito é o mais lindo que existe... amigos chegam tão perto - mesmo distantes - que se confundem com nós mesmos. Que bênção!!!! Maior que qualquer medida... por isso não cabe em nós e usamos as palavras!

Abraços.
LU MARIA