quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Atenção - Sintomas!


Passaram-se alguns dias Já...!
A droga de você escolher muito com quem vai grudar os lábios e juntar os corpos, é que acaba sem perceber, se tornando a pessoa mais exigente dos últimos tempos. Consequentemente, "O escolhido”, quando encontrado, torna-se alguém tão tão, tão diferente que você quase pensa em largar tudo na sua vida, e ficar admirando, da estante, a melhor parte dele. Porque lembre-se: a intensa é você, e não ele. Você estava esperando por ele, ele estava esperando uma oportunidade. E vocês juntos só fizeram o que os dois queriam! Risos*

Justamente eu não pretendia falar de carência, como desculpa para isso acontecer. Ainda mais quando você reencontra alguém. Portanto, vamos retirar esse tema, e seguir na busca de uma outra resposta para tamanha sensação de desespero( imagine um desespero engraçado e não triste). Porque venhamos e convenhamos que, você poderia ter encontrado alguém mais ou menos, e que não combinasse, e que não tivesse um mundo tão surreal diferente do seu, e que, não fosse essas mil coisas que por enquanto você esta achando que ele é, porque sabemos que tudo nessa vida é convivência. E Já que você não convive, não sabe.#fato1

Então, já que exigência é a palavra da vez... como lidar com essa depressão pós-ficada/transasensacional? Como se garantir profundamente naquele extao instante, e achar que vai passar ilesa por essa experiência que demorou a acontecer, por conta da sua “seleção”????

Quanta prepotência, e ignorância; Achar que depois de tocar num homem daqueles, você estaria pronta para enfrentar a segunda feira no seu trabalho na repartição pública, voltar para casa, comer uma barra de chocolate, ouvir todas as músicas que você acha que lembra ele, e ainda tentar dormir antes da meia-noite porque faz bem para pele. Aff!!!!

Quanta imaturidade, achar que aquele calor todo ia ficar trancado naquele quarto,que ele levaria para cidade dele tudo de você, como quem embarca a emoção na primeira classe, da melhor Cia aérea, e espera que ela retorne de jegue......como você pensou que toda aquela fantasia passaria da madrugada de sábado para domingo?simples assim.

Sua estúpida!!!!!!! Ainda deu a sorte de fazer a ligação do dia seguinte, e ser atendida de primeira, retribuindo toda a sua exagerada forma de dizer: “Não paro de pensar em você, e como ando muito só, gostaria de verdade que você fosse o homem da minha vidinha tão chatinha, mesmo porque não seria sacrifício nenhum acordar todo dia e ouvir seu singelo e grosso: "Oi”. Seria trágico, se não fosse cômico.

Os indícios apareceram nas primeiras 24hrs. O nome na boca a todo instante, os pensamentos lentos, As idéias distorcidas, e os olhares mais críticos ainda, para tudo que é comum e rotineiro.
Passados as 48hrs, você já contou mil vzs a mesma história para todas as suas amigas, sua mãe já percebeu que seu apetite diminui, seu pai te chamou de lerda só porque você não encontrou o sal na mesa na hora do almoço, e nem vc agüenta mais concentrar tanta energia num corpo só....o Dele, óbvio!!! Risos*

Puta que pariu. Ele = homem maduro vivido,cheio de mulher atrás.
Você = menina mulher, sem tempo e saco pra perder com moleques, louca para perder o fôlego de tanto sentir amor! Equação perfeita para você bancar a bobinha e ele o fodão.
Mas, que culpa tem ele???????????Nenhuma!!!!!!!!

Tenho certeza que se ele soubesse do seu real estado emocional, carnal banal, Ele fugiria antes mesmo de abrir a boca e dizer: Vem! Apesar de que, alguns casos, pessoas idiotas( eu por ex), deixam o sentimento explodir no peito, e não abrem a boca nem ferrando para expor o que sentem e correr o risco de ver o outro morrer de tanto gargalhar..ou não...! #fato2

Bom, chegamos as 72hrs. Alarmante seu estado! A luz pisca intermitente, igual a placa de motel de beira de estrada; a temperatura á baixo de zero, olhar distante, olheiras roxas-esverdeadas, preguiça de tudo e cabeça lá do lado de saturno, aonde você surtará, chorará, gritará e assumirá a sua crise depressiva, depois de um grande encontro! mas o bom é que ninguém vai te cobrar e muito menos julgar; e claro, ouvir!

Esse é o tempo exato que um espermatozóide leva para fecundar um óvulo, ou seja, você encontra-se praticamente prestes a engravidar literalmente do que chamamos de: paixão!!!!
Resta saber O que vem pela frente...
Os sintomas são os mais diversos, enjôo?náuseas? desejos ?inquetações ? insônia, e por fim, tédio??????será????? È, porque vamos registrar mais uma vez: não estamos falando de amor....

A partir de agora, ou você perde espontaneamente e tem sua gestação interrompida, e, ou Depois de nove meses você vê o resultado...
Esteja preparada..!!!!

7 comentários:

Desabafando disse...

nossa..adorei o texto...comecei a ler e não conseguia parar!

francoemblog disse...

SEN-SA-CIO-NAL.

Paralelo entre paixão,primeira transa,sintomas aguçando,e óvulo fecundando.

Fatos reais?

muito bom ler a sua inspiraçao,nestas linhas.

bom fds! beijão!

Júlia M. disse...

Enquanto lia o primeiro parágrafo, me vi escrevendo. É exatamente o que eu sentia em relação ao meu namorado...

Mas agora passou!

Muito legal esse post, mas tb complexo... essas subjetividades são difíceis de lidar, né?

Juliana Lira disse...

Carol

kkkkkkkkk menina adorei!!!!
Se vc parar de escrever mando te prender viu?Que talento...

Milhões de beijos

larissa disse...

Amiga essas paixonites são as melhores... Qualquer hora preciso te contar uma que vc ja conhece! rs

beijos e saudades.

Daniela e Edimar disse...

Oi Carol...
Eu acompanhava seu fotoblog.
Estou amando os contos, historias, sei lá...
Realmente você consegue me despertar a duvida e me colocar no limite entre a verdade e a imaginação...
Bjs, parabéns!

Anônimo disse...

Aprendi muito