sábado, 6 de junho de 2009

Moral da história...


Tava navegando pela net, e dei de cara com a seguinte manchete : "Vaza para internet a capa de Valesca na Playboy". Li, re-li, li de novo e parei para tentar entender. o quão grave ou quão forjado foi esse vazamento!? Será que a Valesca está arrasada comendo caixas e caixas de chocolates, chorando em frente ao monitor????ou será que Valesca "a popozuda" precisou desse empurrãozinho, para que os machos compradores de playboy se acostumasse com a semi- celebridade na capa????

Quantas perguntas que não querem calar. O fato é que: Valesca é capa de uma revista.
Valesca deve ter uma história de vida muito triste. Eu jamais, eu disse JAMAIS, gostaria de estar no lugar da Valesca, quero deixar isso claro. Eu só cultivo nesse momento um sentimento esquisito!rs! Estava também, tentando entender o "porque" dessa frase horripilante na capa, que por sinal , deve ser uma letra de um funk.

"Vem pro Baile, sem calcinha".
Simmmmm, é a isso que nós mulheres de fato, de respeito, nos reduzimos.
Quando vejo certas coisas, me sinto automaticamente humilhada, sem contar que morro de inveja da vida dessas "moçoilas". è clínica de estética, é bronze, é salão, é academia....
Meu DEUs!!!! quanto tempo livre não!??????
eu tbm seria a maior gostosa do universo se pudesse me dedicar assim....

Tirando minha inveja de lado,pq ela é uma gostosona e eu uma sedentária; voltemos ao assunto.
Mulheres de respeito, de profissão, de sonhos, de alma, de caráter.
sabe porque estou me comportando assim? pq sei que são por causa dessas mulheres, que cada vez mais os homens nos respeitam menos.
Hj em dia, todo mundo é vadia, até que se prove o contrário. Não to xingando a moça da foto, mas eu to dizendo que essas atitudes nos diminuem como espécie. Eu não sou santa, não sou bobinha e nem puritana, só acho que podemos aproveitar a vida, da maneira que for, e ser nós mesmas e mesmo assim impor limites e ensinar a nos respeitar!
Um dia fui á uma balada e dei um fora no carinha, ele me responde assim: "Vai vadia, vc ta precisando é dá a bunda pra melhorar sua cara". Gente, coitado dos pais desse cara, Imagine a decepção de saber que ele solta esse tipo de frase, do nada, em baladas, para mulheres que ele não conhece..não sabe nada. Já pensou eu contar para os meus pais que ouvi isso?
è simplesmente banal esse destrato dos homens em geral, seja por grosseria, xingamentos ou atitudes. O negócio é que eles não respeita mais nós mulheres. e não estão nem aí, se vc é de família, se vc tem educação, se vc tem alma, ou coração.
Para maioria nos resumimos nisso. Uma bunda gostosa e grande!
e se vc não tem um bumbum assim, pode começar a sofrer, vc está fora dos padrões.
Eu sonho com o dia que os bons moços que estão escondidos em algum lugar, encontrem com as boas moças; e juntos, entre 4 paredes, eles possam fazer a maldade que bem entender.
Diante que façam direito.Desde que se respeitem, desde que não sejam apenas " o pinto" e a "bunda".
Aí sim, podemos voltar a falar sobre moral.

3 comentários:

Youko Watanabe disse...

Carol,

realmente com a exposição desnecessária, com a realidade "sexual" que nós vivemos, onde nossas crianças aprendem desde cedo o "creu" fica realmente dificil falar sobre moral e afins.

mas creio eu, que nem td esta perdido, talvez haja esperança.

beeeej's ;*

Júlia M. disse...

Excelente! Adorei esse post. Assino embaixo!
Dá uma revolta, não dá?

André Sant'Anna disse...

Valesca? Nunca tinha ouvido falar até lê-lo aqui. De fato é muito triste observar a banalização da mulher, símbolo maior de harmonia e beleza (pelo menos para mim). Mas acho que isso tá ligado a banalização de forma geral. A banalização da violência, da familia... a banalização do próximo, eu diria.
Inté!